terça-feira, 21 de março de 2017

Profissões híbridas



Profissões híbridas...
são profissões que juntam competências de 2 ou mais áreas profissionais.

Por exemplo:
- Coach literário
- Nanomédico
- Produtor de transgénicos
- Engenheiro biomédico
- Agricultor urbano
- Especialista em impressão 3D (impressão de objetos pessoais)
- Designer de jogos
- Técnico de neuroimplantes

segunda-feira, 20 de março de 2017

Os filhos são do mundo


Devemos criar os filhos para o mundo. Torná-los autónomos, libertos, até de nossas ordens. A partir de certa idade, só valem conselhos.

Especialistas ensinaram-nos a acreditar que só esta postura torna adulto aquele bebê que um dia levamos na barriga.

E a maioria de nós pais acredita e tenta fazer isso. O que não nos impede de sofrer quando fazem escolhas diferentes daquelas que gostaríamos ou quando eles próprios sofrem pelas escolhas que recomendamos.

Então, filho é um ser que nos emprestaram para um curso intensivo de como amar alguém além de nós mesmos, de como mudar nossos piores defeitos para darmos os melhores exemplos e de aprendermos a ter coragem. Isto mesmo!

Ser pai ou mãe é o maior ato de coragem que alguém pode ter, porque é se expor a todo tipo de dor, principalmente da incerteza de estar agindo corretamente e do medo de perder algo tão amado.

Perder? Como? Não é nosso, recordam-se? Foi apenas um empréstimo!
Então, de quem são nossos filhos? Eu acredito que são de Deus, mas com respeito aos ateus digamos que são deles próprios, donos de suas vidas, porém, um tempo precisaram ser dependentes dos pais para crescerem, biológica, sociológica, psicológica e emocionalmente.

E o meu sentimento, a minha dedicação, o meu investimento? Não deveriam retornar em sorrisos, orgulho, netos e amparo na velhice?
Pensar assim é entender os filhos como nossos e eles, não se esqueçam, são domundo!

Volto para casa ao fim do plantão,início de férias, mais tempo para os fllhos, olho meus pequenos pimpolhos e penso como seria bom se não fossem apenas empréstimo! Mas é. Eles são do mundo. O problema é que meu coração já é deles. Santo anjo do Senhor...

É a mais concreta realidade. Só resta a nós, mães e pais, rezar e aproveitar todos os momentos possíveis ao lado das nossas 'crias', que mesmo sendo 'emprestadas' são a maior parte de nós !!!



José Saramago

domingo, 19 de março de 2017

Competências a desenvolver pelas escolas




Tony Wagner defende que a escola deve desenvolver sete "competências de sobrevivência" necessárias para que as crianças possam enfrentar os desafios futuros: 
- pensamento crítico e capacidade de resolução de problemas, 
- colaboração, 
- agilidade e adaptabilidade, 
- iniciativa e empreendedorismo, 
- boa comunicação oral e escrita, 
- capacidade de aceder à informação e analisá-la e,
-  por fim, curiosidade e imaginação.

Texto extraído do artigo do jornal Público

sexta-feira, 17 de março de 2017

O que é que fiz de mal?



Estou farta... farta... farta!
Estou cansada... muito cansada!
Estou triste!

Nova situação, novo contexto, novas pessoas, novos comportamentos, outra data e ... 
os problemas repetem-se...
Porquê?

Ainda não aprendi a lição?
Porque tenho de passar por isto novamente?
Será que tenho de mandar tudo às urtigas?
Será que tenho de me deixar de preocupar com os outros?

Pessoalmente, considero-me uma pessoa flexível, tento ajustar o meu comportamento ao grupo. 
Se calhar ajusto o meu comportamento, para não ser rejeitada pelos outros. 
Será isso?
Será que tenho de afirmar a minha personalidade, definir limites para passar a ser respeitada?

Se respeito as pessoas, não mereço respeito por parte das outras pessoas?

Autoria: Sandra Mendes


Aprender, para quê?



"Os analfabetos do século XXI não são aqueles que não sabem ler ou escrever, 
mas aqueles que se recusam a aprender, reaprender e voltar a aprender".

Alvin Toffler